Motorista passa mal e caminhão atinge carro, grade e muro de imóveis

Atuzaliado as 08h51 de 10/08/2017

Um acidente envolvendo um caminhão dos Correios, o qual veio a colidir com um veículo Ford/Fiesta, congestionou o trânsito na avenida Capitão Antonio Joaquim Mendes, região do jardim Carlos Gomes, zona oeste da cidade de Pirassununga/SP, congestionou a pista sentido oeste e interditou a faixa sentido leste. O acidente que aconteceu por volta das 18h45 de quarta-feira, 9, mobilizou homens do Corpo de Bombeiros, uma equipe do SAMU, homens da concessionária Elektro, do SAEP, da Políca Militar, da Guarda Civil Municipal, Defesa Civil e um guincho da concessionária que admininstra a rodovia Anhanguera - Intervias.


Acidente

De acordo com o motorista Benedito Antonio, 56 anos, morador na cidade de Campinas/SP, dirigia o caminhão Volvo/UM - 220 - 4X2, de cor amarela, placas de Jaci/SP, terceirizado dos Correios para o transporte de SEDEX, parou no semáfaro da avenida Capitão Antonio Joaquim Mendes com a rua Coronel Franco, quando deu uma forte tosse perdendo o sentido.

O caminhão rodou por cerca de 400 metros no sentido oeste, quando antes do cruzamento da rua Messias Xavier Ferreira veio a subir na calçada e colidir de raspão no Ford/Fiesta, de cor preta, placas de São Paulo/SP que se encontrava devidamente parado no cruzamento, onde sua condutora, uma administradora de 55 anos, moradora na referida rua, aguardava o fluxo de veículo da avenida para adentrar à mesma. 

Com o impácto, o veículo foi lançado contra uma placa de sinalização. Desgovernado, o caminhão atravessou a avenida vindo a colidir contra a grade e muro de duas residências, onde um poste de energia de uma das residências, onde a Elektro foi acionada para cortar a energia do Poste da rua para o imóvel. O SAEP também foi acionado, devido o caminhão ter danificado (rompido) o "valete" de água do imóvel.

O motorista do caminhão foi retirado pelos homens do Corpo de Bombeiros e socorrido ao Pronto Socorro com suspeita de um princípio de infarto. 

Guincho 

Um trabalho bastante técnico e cauteloso foi feito pelos "guincheiros" José Maria Guimarães e Ricardo Fabiano Bertram, os quais com muita cautela retiraram o caminhão de onde estava, sem deixar tombar na avenida, uma vez que o "Baú" do caminhão estava parciamento solto. 

Comentários